abril 2008


Filme: TERRA DA ABUNDÂNCIA (EUA, 2004, 122 mn.)

Sinopse: Em Los Angeles, dois esquecidos da América encontram-se na procura da verdade. Ele é Paul (John Diehl), veterano da guerra do Vietname, patriota fervoroso, que sofre de graves problemas psicológicos e de paranóia. Após os acontecimentos de 11 de Setembro, convence-se que a América está em estado de guerra. Defensor acérrimo do seu país, decide patrulhar as ruas da cidade numa carrinha equipada com microfones e câmaras que aponta a quem lhe parece suspeito. Ela é Lana (Michelle Williams), uma jovem que passou vários anos em África e no Médio Oriente, regressa aos Estados Unidos para entrar numa missão que presta ajuda aos sem-abrigo. Tenta, também, saber onde pára Paul, seu tio. Apesar de terem uma visão do mundo radicalmente diferente, Paul e Lana aprendem, pouco a pouco, a aceitarem-se. E é o assassinato de um sem-abrigo paquistanês, que testemunharam involuntariamente, que os vai aproximar. Determinados em descobrir a verdade, tio e sobrinha fazem-se à estrada. Indicado a vários prémios, incluindo de melhor actriz (Independent Spirit Awards/2007), ganhou o prémio Unesco no Festival de Veneza (2004).

Realizador: Wim Wenders Elenco: Michelle Williams, John Diehl, Shaun Toub, Wendell Pierce, Richard Edson, Burt Young, Yuri Elvin, Jeris Poindexter, Rhonda Stubbins White, Bernard White

Data: 30 abril 2008 Hora: 19 horas Local: Sotão da FAC

A entrada é livre e todos são convidados para participar no debate a seguir à sessão.

Anúncios

Filme: As Duas Faces da Guerra 

Sinopse: Luta de libertação para uns, guerra de África para outros: o conflito que, entre 1963 e 1974, opôs o PAIGC às tropas portuguesas é visto, desde logo, de perspectivas diferentes por guineenses e portugueses. Mas não são essas as únicas “duas faces” desta guerra: mais curioso é que, para lá do conflito, houve sempre cumplicidade: “Não fazemos a guerra contra o povo português, mas contra o colonialismo”, disse Amílcar Cabral, e a verdade é que muitos portugueses estavam do lado do PAIGC. Não por acaso, foi na Guiné que cresceu o Movimento dos Capitães que levaria ao 25 de Abril. De novo duas faces: a guerra termina com uma dupla vitória, a independência da Guiné, a democracia para Portugal. É esta “aventura a dois” que é contada pelas vozes dos que a viveram.

Título Original: As Duas Faces da Guerra * Realizador: Diana Andringa e FLORA GOMES

Ano: 2007  País: Portugal  Género: Documentário  Classificação: M/12  Duração: 105 mins approx.

Data: 25 abril 2008 Hora: 19 horas Local: Sotão da FAC

A entrada é livre e todos são convidados para participar no debate a seguir à sessão.

multiculturalismo

DESTAQUE – Palestra sobre Multiculturalismo

Sinopse: “Seremos multiculturais por opção? Ou pela inexorável força centrífuga que deu origem ao povo das ilhas e o levou a espalhar-se novamente? Assumimos o que recebemos por lhe reconhecermos valia para a nossa própria cultura, ou apenas por uma questão, num primeiro momento de sobrevivência, e posteriormente de conveniência?”

Com o intuito de oferecer à sociedade civil momentos de cultura e de exercício de cidadania, nesta semana, convidamo-lo a participar num debate sobre “Multiculturalismo na Cidade da Praia” na próxima 4ª feira dia 23 de Abril pelas 19 horas e numa oficina temática no Sábado 26 de Abril pelas 17 horas sobre a utilidade do lixo.

OFICINA – Lixo é útil
O tema “LIXO É ÚTIL” pretende promover experiências práticas de utilização de lixo, no sentido de material ao qual já não se confere utilidade, dando-lhe novas formas e por isso novas utilidades.

Sábado teremos uma oficina para os mais pequenos que no fundo é uma acção de sensibilização para uma maior intervenção de todos na problemática da reciclagem. Inscreva o seu filho através do nosso mail (amigos.fac@gmail.com)

Público alvo: Crianças entre 6 e 12 anos. É dada a possibilidade ao pais e/ou acompanhantes de assistir ou mesmo participar da sessão.

Acesso: Gratuito, mas mediante inscrição (nº limite 10 crianças). A ficha de inscrição terá informação respeitante ao material necessário para participar.

Inscrições: Podem ser feitas por mail ou na sede da FAC (em frente ao supremo tribunal de justiça) no horário normal de expediente até a próxima sexta-feira 25 de Abril de 2008.

O grupo de amigos da Fundação Amilcar Cabral convida a todos a visitar a Fundação e conhecer a nossa proposta de programação para os próximos 4 meses: filmes, palestras, exposições, oficinas, etc.

Em especial para esta semana, em homenagem ao crítico de arte e coleccionador francês Raoul Jean-Moulin, que doou mais de 4.000 livros de arte à Fundação, estamos a organizar um ciclo de actividades à volta da temática da arte:

Quarta-feira, 16 de Abril, às 19 horas Cinema: FRIDA (EUA 2002 120min) – O filme retrata a vida da artista mexicana Frida Kahlo (Salma Hayek), nascida em 1907, desde sua relação tempestuosa com seu mentor e marido, o pintor Diego Rivera (Alfred Molina), e o seu romance controverso com Leon Trotsky (Geoffrey Rush), a seus provocantes envolvimentos com mulheres. Frida viveu intensamente, como uma revolucionária política, artista e sexual, e tornou-se um mito da América Latina. Indicado a seis Óscares, o filme levou duas estatuetas: Melhor Maquilhagem e Melhor Trilha Sonora.

Realizador: Julie Taymor Elenco: Salma Hayek, Alfred Molina, Geoffrey Rush, Ashley Judd, Antonio Banderas, Edward Norton

Quinta-feira, dia 17 de Abril, 19 horas Palestra “O Pós-Modernismo, ou Arte Contemporânea – contexto Cabo Verde” Com Abraão Vicente. O que é Arte Contemporânea e como (não) manifesta em Cabo Verde.

Contamos com a vossa presença

(imagem de produção do filme “Frida”)